São Paulo, 03 de Dezembro de 2016

/ Gestão

8 livros de economia e negócios que você não pode ignorar
Imprimir

Da análise econômica a exemplos de liderança criativa e modelos de gestão, conheça os lançamentos que brilham nas listas das principais publicações especializadas

A cada ano, centenas de novas obras de economia e negócios invadem as prateleiras das livrarias. Poucas, porém, alcançam repercussão graças ao seu conteúdo indispensável para executivos e empreendedores. O Diário do Comércio selecionou oito delas, com base nas listas preferenciais e resenhas publicadas em destacados veículos da mídia, como os jornais The New York Times e Financial Times, e as revistas Time, Entrepreneur e Strategy&Business.

São livros de referência que convém ter ao alcance das mãos, por introduzir conceitos inovadores, instigar a reflexão, esmiuçar cases ilustrativos de empresas que venceram crises ou se expandiram exponencialmente, mergulharam na cultura da gestão, do marketing ou das palpitantes questões e dilemas da economia. Eis, a seguir, nossa lista:

How to be a power connector
Judy Robinett

Uma rede de contatos precisa e ativa pode ser a chave para o sucesso profissional. É o que defende Judy Robinett, em How to be a power connector (“Como fazer conexões poderosas”).  “As pessoas têm as respostas, promoções, dinheiro, acesso, poder e influência de que você precisa para obter tudo o que deseja”, afirma Judy, especialista em networking. 

Em pesquisas conduzidas em organizações, ela concluiu que cada empresa deve dividir seus contatos em três categorias: a primeira, composta por cinco pessoas; a segunda, por 50 e a terceira, por 150. E o empreendedor deve dedicar parte do seu tempo ativando esses grupos de contatos, diariamente, semanalmente e mensalmente, respectivamente.

O livro também destaca a necessidade dos empreendedores de pensar sobre a funcionalidade de seus processos de comunicação e concentrar a atenção nos contatos que realmente fazem diferença na organização, como fornecedores, clientes fieis, investidores, bancos e empresas parceiras. 

How to be a power conector
(Como fazer conexões poderosas)

Judy Robinett
Editora McGraw-Hill Professional
Idioma: inglês
Número de páginas: 234
Preço médio: 93,80


O Capital no Século XXI
Thomas Piketty 

Em menos de um mês após seu lançamento no Brasil, o fenômeno mundial do economista francês já havia esgotado sua primeira edição. Até agora, mais de 70 mil exemplares já foram vendidos e O Capital no Século XXI segue nas principais listas de livros best-sellers e comentados no ano passado.

Resultado de pesquisas feitas por Thomas Piketty ao longo de 15 anos, a obra, que dividiu a opinião de críticos e economistas, faz uma análise profunda sobre o a concentração de renda e a desigualdade, desde o século 18. Em sua pesquisa, ele aponta que as sociedades capitalistas sempre tenderão ao acúmulo de riqueza, especialmente a riqueza patrimonial.

Ao analisar o pagamento de impostos de países como Estados Unidos, Inglaterra e França, o teórico rastreou as origens da concentração de renda e observou suas alterações ao longo dos anos. O autor afirma que ela nunca foi tão grande quanto hoje. Como alternativa para frear esse processo, propõe uma série de mudanças fiscais como impostos sobre a riqueza e a taxação de heranças.

A abordagem histórica, que vai além das estatísticas, torna a obra acessível não somente a economistas, mas a todos os interessados a pensar sobre o capitalismo no cenário atual e na economia de maneira geral. O economista paulista João Sayad, admirador da obra, elogiou o colega pela ausência de arrogância, que com frequência contamina a especialidade.

O Capital no Século XXI
Título original: Capital in the Twenty-First Century

Thomas Piketty
Editora Intrínseca
Idioma: português
Número de páginas: 672
Preço médio: R$ 39,90


Inteligência de talentos – O que você precisa saber para identificar e medir talentos. 
Nik Kinley e Shlomo Bem-Hur. 

Para desenvolver a equipe dos sonhos é preciso que o empresário esteja atento às expectativas e capacidades de seus funcionários. Em Inteligência de Talentos,  especialistas em Gestão de Pessoas, apresentam um guia sobre como identificar e avaliar talentos. 

Para os autores, é fundamental que os líderes dediquem atenção às habilidades de seus colaboradores para descobrir se ocupam os cargos adequados para que desenvolver todo seu potencial.

O livro ainda conta com dicas para que o empreendedor consiga reter talentos com práticas que envolvem motivação, como gerar oportunidades de crescimento, não deixar que ocorram falhas na comunicação, fornecer recursos financeiros para treinamento e, sobretudo, saber ouvir e responder a reclamações.

Inteligência de talentos – O que você precisa saber para identificar e medir talentos 
Título original: Talent Intelligence - What you need to know to identify and measure talent
Nik Kinley e Shlomo Bem-Hur
Campus Editora
Idioma: português
Número de páginas: 280
Preço médio: R$ 69,90


The Hard Thing About Hard Things: Building a Business When There Are No Easy Answers.
Ben Horowitz 

O empresário inglês Ben Horowitz, especialista em lançar e gerenciar startups, em The Hard Thing About Hard Things: Building a Business When There Are No Easy Answers (O difícil sobre as coisas difíceis: Construindo um negócio quando não há respostas fáceis), um dos livros sobre liderança mais comentados em 2014, optou por um caminho não convencional.

Em vez de focar o conteúdo de sua publicação em assuntos como  liberdade para inovar no desenvolvimento de uma startup, o autor admite com franqueza que construir uma organização não é nada fácil e aborda as questões complexas nesse processo.

De maneira leve e bem humorada, o livro é indicado a todos os líderes empresariais que estão em busca de conselhos de gestão. Horowitz dá dicas de como agir em situações embaraçosas, mas frequentes no dia a dia de uma empresa, como a necessidade de demitir um amigo ou contratar um funcionário de uma empresa parceira sem prejudicar os negócios.

The Hard Thing About Hard Things: Building a Business When There Are No Easy Answers
Ben Horowitz
Editora Harper USA
Idioma: inglês
Número de páginas: 289
Preço médio: R$ 110,00


Criatividade S.A. – Superando as forças invisíveis que ficam no caminho da verdadeira inspiração
Ed Catmull e Amy Wallace

Em um mescla de biografia e lições sobre liderança criativa, o presidente da Pixar Animation e Disney Animation, Ed Catmull, em parceria com a jornalista Amy Wallace, conta sua trajetória profissional e como transformou suas empresas em referência.

Conhecido pelo seu ambiente de trabalho divertido e lúdico, o estúdio americano Pixar, localizado na Califórnia possui piscina, salas de jogo e ginástica e cinema. Todas essas atividades têm o objetivo de incentivar os funcionários a ser tornarem cada vez mais criativos. Para Ed Catmull, a criatividade é o caminho para o sucesso de toda empresa, que deve operar de maneira descentralizada. Na Pixar, os funcionários são estimulados a participar de projetos e expor suas opiniões.
 
Catmull acredita que os bons líderes são aqueles que conseguem colher ideias de todos os seus colaboradores e ainda os incentive a desenvolver suas capacidades. No livro, ele  compartilha sua experiência sobre como capacitar grupos para que atuem em conjunto e conta alguns detalhes sobre os bastidores do filme Tot Story (1995), que revolucionou a história do cinema de animação.
 
Criatividade S.A. – Superando as forças invisíveis que ficam no caminho da verdadeira inspiração
Título original: Creativity, Inc - Overcoming the Unseen Forces That Stand in the Way of True Inspiration.
Ed Catmull e Amy Wallace
Editora Rocco
Idioma: português
Número de páginas: 320
Preço médio: R$ 39,00


Empresa focada no cliente: Mude a estratégia do produto para o cliente
Niraj Dawar. 

Em um mercado cada vez mais competitivo, centrar a estratégia no cliente pode levar o empresário a obter uma vantagem duradoura e considerável. É o que sugere Niraj Dawar, especialista em marketing.
 
Para o pesquisador, o produto é importante, mas a chave do negócio está no cliente. Com exemplos práticos, ele afirma que por muitos anos, grandes organizações investiram pesado na criação de novos e atrativos produtos. Mas a chegada da globalização e da tecnologia fez com que outras empresas pudessem criar produtos que competissem igualmente no mercado, o que deslocou a vantagem competitiva focada apenas no produto.

O autor apregoa que as estratégias voltadas ao cliente podem potencializar um negócio e dá exemplos de empresas de adotaram essa prática como o Facebook, a Amazon e o Google.
 
Empresa focada no cliente: Mude a estratégia do produto para o cliente
Título original: Tilt: Shifting your strategy from products to customers
Niraj Dawar
Campus Editora/Elsevier
Idioma: português
Número de páginas: 256
Preço sugerido: R$ 59,90 


Accelerate: Building Strategic Agility for a Faster-Moving World
John P. Kotter

Ao abordar a estratégia de negócios, o respeitado acadêmico da Universidade de Harvard e especialista em liderança, centraliza o tema em três questões principais: Como diferenciar-se da concorrência? Quais são as particularidades que só o seu negócio possui? Quais produtos e serviços você poderia oferecer para que sua empresa se transforme naquilo que idealiza?

Em seguida, John Kotter propõe que o empresário responda as perguntas para desenvolver um modelo de negócios que atenda às expectativas. De acordo com ele, um erro comum dos empreendedores é confundir estratégia com missão, visão e objetivo.

Para orientar os empreendedores a respeito das melhores maneiras para valorizar seus negócios, Kotter faz um levantamento detalhado das ferramentas de consultoria e as melhores estratégias corporativas e econômicas disponíveis. Segundo afirma, somente com uma estratégia articulada as empresas conseguem inovar e superar seus desafios.

Accelerate: Building Strategic Agility for a Faster-Moving World
(Acelerar: Construindo estratégias ágeis para um mundo acelerado)
 John P. Kotter
 Harvard Business Review Press
Idioma: inglês
Número de páginas: 206
Disponível apenas em e-book
Preço médio: R$ 36,00


Left Brain, Right Stuff: How Leaders Make Winning Decisions
Phil Rosenzweig 

Ao mergulhar nos estudos sobre o mundo das decisões, Phil Rosenzweig identifica quatro diferentes tipos. O primeiro campo diz respeito à escolha, no segundo está a influência dos resultados, no terceiro  as apostas e no mais importante campo, as decisões estratégicas, que abrange reposicionar a empresa no mercado ou transformar completamente seu modelo de negócios.

É nesse contexto que o especialista em mudanças estratégicas e autor do best seller Derrubando Mitos, mostra quais são os padrões mentais atrapalham a tomada de decisão e as ferramentas necessárias para fazer a melhor escolha. Para Rosenzweig, o ideal é sempre balancear a lógica (associada ao lado esquerdo do cérebro) com ações que exigem coragem e ousadia para arriscar e correr riscos.

Left Brain, Right Stuff: How Leaders Make Winning Decisions
(Lado esquerdo do cérebro, coisas direitas: Como líderes tomam decisões vitoriosas)
Phil Rosenzweig
Editora PublicAffairs 
Idioma: inglês
Disponível apenas em e-book
Número de páginas: 331
Preço médio: R$ 40,00



A abertura de 80 startups nos últimos anos se deve à mão de obra qualificada, boa infraestrutura, formação de grupos de negócios e ao parque tecnológico (na foto)

comentários

Expectativa é que essa taxa continue crescendo no país, segundo pesquisa da Global Entrepreneurship Monitor (GEM)

comentários

Nem só de boas ideias e de criatividade vivem as startups. Empreendedores internacionais ensinam o bê-a-bá para começar um negócio de sucesso

comentários