Facesp

ISO9001:2008


ACE Pompeia é normatizada novamente


  Por Redação Facesp 22 de Março de 2017 às 00:00

  | Da equipe de comunicação da Federação das Associações Comerciais do Estado de S.Paulo


A Associação Comercial e Empresarial (ACE) de Pompeia conquistou pelo sexto ano consecutivo a normatização ISO9001:2008, depois de auditoria realizada no sistema de gestão da entidade, que confirmou a continuidade do modelo internacionalizado. “Para uma entidade como a nossa, considerada de pequeno porte, é uma conquista muito importante”, disse o presidente da entidade, Rinaldo José Traskini, que parabenizou os funcionários e diretoria pelo trabalho realizado. “O maior beneficiado é o nosso associado que passa a contar com uma entidade série, transparente e progressista”, falou o dirigente ao receber o relatório da auditoria que não apontou nenhuma necessidade de melhoria. “Isso valoriza ainda mais a conquista”, elogiou.

Segundo Rogério Aveiro, auditor da Apcer, foram verificados os processos de Recursos Humanos, Sebrae, ACCredito, Convênio Médico e o Sistema de Gestão da Qualidade. “A entidade apontou melhorias no sistema de gestão da qualidade, e ótima performance nos demais pontos”, avaliou o consultor ao afirmar que houve melhoria contínua nos processos, não tendo nenhuma não conformidade em relação ao ano anterior. “Parabéns com méritos”, elogiou o auditor que esteve acompanhando todos os procedimentos e avaliando a documentação específica.

Para Valdenice Aparecida Lacerda Valderramas, gerente administrativa da ACE de Pompeia, as melhorias são gradativas, pois, no primeiro ano, em 2012 houve melhoria na pesquisa de satisfação aos clientes, enquanto que no ano seguinte foi melhorado o setor de compras. “Em 2014 precisamos melhorar nossos gráficos indicadores”, recordou a gerente administrativa, ao dizer que em 2015 foi preciso modernizar os indicadores. “Em 2016 conseguimos zerar todas as necessidades de melhorias, atendendo todas as conformidades”, parabenizou a todos pelo trabalho realizado, com sucesso. 

Na opinião do vice presidente da diretoria, Chikao Nishimura, esta conquista é importante. “Nos dias de hoje, ser normatizada com a ISO9001 é uma vantagem que poucas entidades conquistam”, lembrou o dirigente. “Ser normatizada é uma situação e manter a ISO9001 nos anos posteriores é bem diferente e mais difícil”, completou o outro vice presidente da diretoria, Alair Mendes Fragoso. “Isso mostra a seriedade do trabalho que é conduzido na Associação comercial”, reforçou Marcos Guillem que vem acompanhando estas conquistas desde o início. “A cada ano fica mais difícil, pois, o atendimento é contínuo e a ampliação dos serviços reforça a necessidade de melhorias”, lembrou Clarissa Zanoni Kera Arantes, que faz parte da diretoria e já participou de alguns procedimentos normatizados. 

Como representante da direção no trabalho da manutenção da ISO9001, Priscila de Oliveira diz que é preciso estar atento sempre e observando a reação dos clientes, através de documentos que monitoram as performances de atendimento. “Os indicadores que foram criados mostram como devemos melhorar e isso é feito de forma imediata”, explicou a responsável pelos cuidados com os processos criados na entidade. “O envolvimento da diretoria e dos funcionários foi muito bom e isso ajudou muito”, afirmou a monitora.