Facesp

G6 entrega propostas de interesse municipal ao Legislativo


Documento com projetos voltados a áreas como Saúde, Desenvolvimento e Infraestrutura foi levado à Câmara Municipal, na manhã de hoje


  Por Redação Facesp 29 de Março de 2017 às 00:00

  | Da equipe de comunicação da Federação das Associações Comerciais do Estado de S.Paulo


O G6 (Grupo Político Suprapartidário de Franca), com o apoio do empresariado francano e da comunidade em geral, promoveu hoje um ato político para entregar um documento contendo propostas de projetos de interesse público à Câmara Municipal de Franca. Temas como a revitalização do Centro da cidade e a reativação da Estação Aduaneira Interior fazem parte do conteúdo entregue, que tem por objetivo promover o debate sobre tais questões e fomentar projetos que sirvam à realidade de Franca e Região.

“Estamos ansiosos por diálogo, para contribuir. Estas propostas que apresentamos hoje são ideias de âmbito geral que podem, e devem, ser debatidas e aperfeiçoadas. Queremos que esta Casa, a sociedade civil organizada e a imprensa possam servir como impulso para que essas ideias cheguem ao nosso Executivo pois é de lá que as ações partem”, disse o coordenador do G6 e presidente da ACIF (Associação do Comércio e Indústria de Franca), Dorival Mourão Filho, ao assumir a tribuna.

Presente no plenário, o deputado federal Adérmis Marini também utilizou a tribuna para comentar a ação encabeçada pelo G6. “Acho muito importante à cidade ter um grupo organizado realmente preocupado com o seu desenvolvimento. Essas ações que hoje foram colocadas aqui são de extrema importância para o crescimento e novo horizonte de nossa Região”, disse.

Quanto ao conteúdo das propostas, é válido ressaltar que áreas como Segurança Pública, Meio Ambiente, Saúde, Educação, Infraestrutura e Desenvolvimento formam a pauta de discussão sugerida. Dentre as questões, é possível citar a criação de um Projeto de Desenvolvimento do Turismo Regional Nordeste Paulista para a Região da Alta Mogiana, denominado UAI Paulista, que contemplaria a exploração de seus diversos atrativos turísticos, como a Serra da Canastra, represas do Rio Grande, fazendas de café, o setor fabril entre outros.

Convergindo com o interesse divulgado pelo Executivo Municipal, a criação de uma PPP (Parceria Público-Privada) para instalação de um Centro Cultural e Empresarial de Franca também consta no conteúdo das propostas.

Estiveram presentes no evento e apoiaram o ato do G6 cerca de 150 pessoas.

Sobre o G6

Lançado em setembro de 2016, o grupo foi criado para unir forças e atuar em todos os segmentos a fim de contribuir para o progresso da cidade e da região. Desenvolver projetos específicos e promover a troca de experiências com entidades, em ações conjuntas; firmar convênios de parcerias públicas e privadas em todos os níveis da Administração Pública e comparecer aos debates sociais propostos por entes públicos ou privados são itens que compõem sua missão.

Integram o G6, além da ACIF, a Cocapec (Cooperativa de Cafeicultores e Agropecuaristas), OAB (13º Subseção de Franca), a Maçonaria de Franca e Região (representada pelo Conselho de Mestres Instalados), o Sindifranca (Sindicato da Indústria de Calçados de Franca) e a Unimed Franca.