Economia

Investimentos na economia subiram 1,1% em julho


O setor de construção civil apresentou a segunda variação positiva e seguida no indicador do Ipea, com alta de 1,4%


  Por Estadão Conteúdo 06 de Setembro de 2017 às 17:23

  | Agência de notícias do Grupo Estado


Os investimentos na economia aumentaram em julho, segundo o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). O Indicador Ipea de Formação Bruta de Capital Fixo (FBCF) registrou uma expansão de 1,1% em relação a junho.

Apesar do avanço, o crescimento dos dois principais componentes do indicador não foi homogêneo. O consumo aparente de máquinas e equipamentos (Came, que corresponde à produção doméstica acrescida das importações menos as exportações) apresentou queda de 3,6%, interrompendo uma sequência de três altas consecutivas. Já o indicador de construção civil teve a segunda variação positiva seguida: 1,4%.

Na comparação com julho de 2016, o Indicador Ipea de Formação Bruta de Capital Fixo encolheu 1,4%. O resultado do Came cresceu 2,5% no período. A alta não foi mais acentuada porque foi negativamente influenciada por um salto de 37,7% nas exportações, embora a produção doméstica de bens de capital tenha avançado 1,1% e as importações tenham crescido 7%.

Na comparação com julho de 2016, a construção registrou queda de 3,6% no mês de julho deste ano. No ano de 2017, o Indicador Ipea de Formação Bruta de Capital Fixo acumula uma queda 4,6%. Em 12 meses, a taxa está negativa em 5,2%.

FOTO: Thinkstock