São Paulo, 26 de Julho de 2017

/ Blogs

Tecnologia e governo: desafios para o crescimento
Imprimir

Pesquisa mundial com presidentes de empresas aponta desafios da alta gestão

A consultoria de negócios PwC divulgou nova edição da sua tradicional pesquisa junto a CEOs em todo o mundo. O sentimento geral é de apreensão, tanto quanto aos países desenvolvidos como no que diz respeito aos postulantes a tal condição, como o Brasil. No total, 1.322 chefes executivos foram consultados em 77 países.

Um dos fatores-chave de transformação e adaptação das empresas, segundo os respondentes, é a tecnologia. As velozes mudanças neste aspecto desafiam as corporações em alto nível estratégico, como dizem 58% dos CEOs. Porém, 80% consideram o tema como fundamental para seus planejamentos, com ênfase nas tecnologias móveis. Em países como o Brasil, no qual há mais telefones celulares que habitantes, tal preocupação mostra-se extremamente válida.

Este panorama afeta temas como escalabilidade, privacidade, segurança de dados, internet das coisas, diálogos em mídias sociais, entre outros fatores críticos de sucesso (ou fracasso) para os negócios.

Entre as armadilhas para o crescimento, os líderes empresariais citaram barreiras como falta de especialistas, política fiscal, incertezas geopolíticas, aumento dos impostos e excesso de regulação estatal.

E você, concorda com eles?  

 



Mas quando questionado a respeito de possível perda de emprego no futuro, o paulista se mostra mais pessimista, aponta pesquisa da ACSP/Ipsos

comentários

Em um ano, empresas como a Delta, de Piracicaba (SP), elevaram sua participação no faturamento do setor, que movimentou R$ 338,7 bilhões em 2016, de acordo com a Abras

comentários

Receosos de que a crise se prolongue por mais tempo, os brasileiros começam a preparar o orçamento para momentos de aperto

comentários