Blogs

As novas fronteiras da segurança


O mundo em rede expande as possibilidades de conexão – para o bem e para o mal


  Por O que vem por aí 06 de Janeiro de 2016 às 08:59

  | O jornalista Rodolfo Araújo, diretor de Conhecimento e Pesquisa da Edelman Significa, decifra as tendências que irão marcar o mundo dos negócios


A região de Ivano-Frankvisk, na Ucrânia, experimentou dois dias antes do Natal o primeiro blecaute público ocasionado por ataques perpetrados por criminosos virtuais.

O pioneirismo da ação liga um importante alerta sobre a ligação entre redes de dados e equipamentos, locais, veículos e muitos outros objetos e estruturas do mundo físico.

O que até agora se assemelhava a uma incursão típica de ficção científica demonstra o quanto podemos estar expostos a ataques em situações jamais imaginadas.

Sistemas de entretenimento de aeronaves, redes elétricas, carros, celulares, eletrodomésticos – basta haver uma ligação à internet ou quaisquer rede, o risco está instalado.

Se, de um lado, um novo tipo de terrorismo pode se espalhar no mundo, da mesma forma as empresas – mesmo a partir de exemplos não tão alvissareiros – podem perceber a abertura de inéditas oportunidades para se proteger, mas ao mesmo tempo gerar negócios por meio de um ambiente que, embora mais arriscado, pode se constituir como muito mais inteligente.