São Paulo, 28 de Setembro de 2016

Talvez o mais difícil de todos os trabalhos seja obter um superávit fiscal primário da ordem de 0,5% do PIB em 2016

comentários

Ela tem uma perfeita noção de que ao aceitar os migrantes estará contribuindo para o bem-estar da Alemanha

comentários

O primeiro passo para reduzir o risco país em alta é debelar a crise. Quanto mais rápido isso ocorrer, melhor para debelarmos as mazelas econômicas por que passamos

comentários

Somente o tempo poderá dizer se passamos por uma séria e profunda recessão em 2015 ou se de fato ingressamos em uma depressão

comentários

A versão que corre é que o Banco Central está enviando uma mensagem cifrada ao mercado de que poderá elevar a taxa em uma das reuniões de 2016

comentários

O Brasil poderá ter muito a ganhar com a eleição de Mauricio Macri para a presidência da Argentina. Há muitas razões para otimismo.

comentários

Do ponto de vista econômico, os efeitos parecem pequenos, diante da gravidade das consequências sociais e políticas do ocorrido em Paris

comentários

Terroristas geralmente não são pobres nem pessoas que passam privações. Muitos deles têm educação formal; e muito poucos são desequilibrados mentais

comentários

Noticia-se que a presidente Dilma Rousseff está sob forte pressão para trocar o ministro da fazenda, Joaquim Levy, pelo ex-presidente do Banco Central do governo Lula, Henrique Meirelles. Imagina-se que a troca ocasionaria uma mudança na política econômica. Isso é possível?

comentários

É compreensível que o senhor Trump faça demagogia. A experiência mostra que, na política, culpar os estrangeiros por problemas internos, reais ou imaginários, é a melhor estratégia

comentários

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11